Plenário do CRP-23 aprova recomendações sobre atenção psicossocial e saúde mental no contexto da pandemia

recomendações crp correção

Além das medidas de prevenção interna e de orientações à categoria, o plenário do CRP-23 resolveu também informar e orientar, a partir das informações da OMS, os profissionais e a população de sua jurisdição sobre os cuidados de atenção psicossocial e saúde mental no contexto de pandemia do coronavírus:

• É normal se sentir triste, estressado, confuso, assustado e com raiva durante uma crise.

• Falar com pessoas de confiança sobre seus sentimentos pode te ajudar. Busque manter contato com amigos e familiares.

• Se você apresentar sinais e sintomas sugestivos da doença procure a unidade de saúde mais próxima.

• Se você precisa se manter em isolamento em casa, mantenha um estilo de vida saudável que inclua: alimentar-se de forma apropriada, dormir, fazer atividade física, manter contato com familiares mais próximos (núcleo familiar) em casa e por telefone ou computador com outros familiares e amigos.

• Evite fumar, beber ou usar outras drogas para lidar com suas emoções. Se você sentir intenso sofrimento ou angústia fale com profissionais de saúde responsáveis por monitorar seu isolamento. Tenha em mãos as orientações sobre onde ir e como buscar ajuda caso sinta que sintomas físicos ou sofrimento psíquico estejam agravando.

• Busque fatos, informações verdadeiras. Reúna informações que possam te ajudar com exatidão a determinar riscos e te ajudar a tomar as precauções necessárias para cada risco. Ex: como cuidar dos filhos, o que pode e não pode fazer.

• Encontre fontes seguras de informação que você possa confiar como o site do Ministério da Saúde, e verifique as notícias falsas pelo WhatsApp do Ministério da Saúde (61)992894640 ou no site https://www.saude.gov.br/fakenews/coronavirus.

• Tente diminuir preocupações e qualquer tipo de agitação desnecessária que pode vir das notícias da televisão ou internet que você perceba que estão te trazendo mais estresse.

• Tente relembrar as habilidades que você utilizou no passado para lidar com eventos adversos e use tais habilidades para te ajudar a equilibrar suas emoções durante os desafios dessa epidemia.

(texto retirado da Tradução e adaptação das Propostas para Atenção Psicossocial e Saúde Mental para Coronavírus, SMS de Goiânia)

Comente via Facebook

Comentário(s)